Quer se informar? Deixe os jornais de lado.

Se alguém ainda lê os  jornais, ou assiste os telejornais das grandes empresas de comunicação  em busca de informação séria e verídica, vou dar mais um motivo para parar (existem vários, este é só um): a cobertura deles é muito unilateral (sem assumir isso) e preguiçosa.

Um bom exemplo recente é o que foi publicado em um grande jornal de Porto Alegre na última segunda-feira pelo seu correspondente de Copenhague:

Existem vários problemas na matéria, em primeiro lugar ela dá um salto lógico no seu raciocínio – dando a entender que se a concentração era ilegal e eles carregavam máscaras contra gás e “projéteis” (que podem ser literalmente qualquer coisa) só podiam ser um bando de arruaceiros querendo extravazar sua raiva. O que nos leva aos segundo problema, fica claro que a única fonte da matéria, além dos olhos desinformados do jornalista, foi a polícia. E é óbvio que para a polícia eram arruaceiros. Para a polícia todos que praticam desobediência civil, como Gandhi, Mandella ou Rosa Parks, são arruaceiros, e não pessoas tentando defender os direitos civis, os pobres do mundo ou o planeta, pois a polícia não consegue enxergar além das leis que jurou obedecer, por mais injustas que elas sejam.

Imagino que o correspondente do jornal não deve ter tido acesso à internet em Copenhague ou talvez não tenha tido tempo (não quero pensar que ele foi preguiçoso) pois era só dar uma buscadinha no Google, ou visitar o site internacional do Centro de Mídia Independente para descobrir o que era o protesto. O grande problema é que a maioria das pessoas toma o que sai nos grandes jornais como verdade e na maioria das vezes essas matérias foram escritas por pessoas mal informadas, com medo ou com preguiça de ir ouvir o outro lado das histórias.

Na verdade o tal protesto não era simplesmente um bando de arruaceiros, mas sim um grupo organizado e com um propósito, bem justo na minha humilde opinião. O grupo se chama Hit the Production (Atingir a Produção) e tem o seguinte slogan (tradução livre): “Nosso sistema econômico é a principal causa das mudanças climáticas. Para parar as mudanças climáticas temos que transformar este sistema falido.”

Leiam a matéria acima, mas também leiam a cobertura do Centro de Mídia Independente, aqui e aqui, e o site do grupo que organizou a ação, aqui e tirem suas próprias conclusões.

Anúncios

2 Comentários on “Quer se informar? Deixe os jornais de lado.”

  1. Vica disse:

    É brabo, mas as pessoas não se preocupam em verificar as fontes. Hoje a ANAC suspendeu voos da TAM e no tuíter já estão dizendo que TODOS os voos, de todas as empresas, para São Paulo, estão suspensos…
    Eu não leio jornal e não vejo tv há muitos anos. Procuro as informações na fonte e não por visões distorcidas de terceiros.

  2. Olá oi! Bom dia! Ótimo artigo, obrigado. É lamentável o que a mídia faz, e na verdade acaba é desinformando a população. Tiau.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s