O fim das abelhas?

Uma catástrofe. Apicultores dos E.U.A. e da Alemanha registraram uma diminuição de até 80% do número de abelhas em suas colônias, colocando em risco a própria existência da apicultura e ameaçando as espécies de abelhas. Uma das causas pode ser o cultivo de vegetais transgênicos . Segundo um dos pesquisadores, uma toxina presente no milho geneticamente modificado (que já é 40% do milho plantado nos E.U.A.) pode ter alterado a superfície do intestino das abelhas, permitindo que parasitas entrassem no organismo do inseto. (Fonte: Der Spiegel)

Mesmo assim, no Brasil, estão fazendo toda a força para aprovar o plantio de milho transgênico, mesmo sem os devidos estudos de impacto ambiental, assim como fizeram com a soja.

Por isso é tão importante boicotar empresas que não se comprometem a não usar transgênicos em seus produtos, como as multinacionais Bunge e Cargill. Para ver a relação do Greenpeace de produtos que usam e que não usam transgênicos acesse o Guia do Consumidor.

Anúncios

2 Comentários on “O fim das abelhas?”

  1. Carlos disse:

    Pode até ser atrasada esta minha opinião, mas é válido citar ainda não se sabe as consequencias ou benefícios dos trangênicos, assim como uma possível causa do problema das abelhas ser o milho transgênico, mas afinal, quem garante que é? É preciso estudar bem esta questão, e ativistas anti-transgênicos são em sua grande maioria pseudocéticos, o que por definição nega ao invés de duvidar.

  2. wismeck disse:

    este assunto tem tirado o sono de muitos cientistas ultimamente, pois a ideia americana de colocar a culpa em abelhas importadas da Alstralha não colou.
    o caso é que : existe uma grande conhecidensia entre o desaparecimento das abelhas e o cultivo dos trangenicos.
    levando em cosideração que cerca de 75% de toda ‘polinisação’ é feita por abelhas.
    conhecidentemente , esse tambem é o numero da produção trangenica Americana.

    Aparece o “trangenico” somem as Abelhas.

    vamos estudar mais,,, ATÉ QUE NÃO RESTE MAIS NENHUMA ABELHA !


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s